Histórias emocionantes de quem superou a depressão

A pandemia causou uma mudança repentina na vida e no trabalho das pessoas e abalou também a saúde mental da população. Um estudo realizado pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) afirma que os casos de depressão aumentaram 90% e o número de pessoas que relataram sintomas de ansiedade e estresse mais que dobrou entre os meses de março e abril de 2020.

Como meu objetivo não é transcrever as abundantes notícias negativas da pandemia, mas sim apresentar soluções eficientes, vou passar rapidamente às histórias emocionantes de quem superou a depressão. São somente dois relatos dos muitíssimos indivíduos que felizmente recuperaram a saúde e a felicidade. E eles mesmos vão contar a você.

Primeira história emocionante de quem superou a depressão: Paulo Corrêa

Histórias emocionantes de quem superou a depressão

“Meu nome é Paulo Celso Corrêa, tenho 60 anos. Moro na cidade de Santo André – SP, sou casado, tenho quatro filhos e quatro netos.

Atuo como professor na área de eletrônica e mecatrônica. Já atuei como programador de computadores, analista de sistemas e com robótica. Leciono em uma escola técnica de ensino médio em São Bernardo do Campo e em uma universidade de Santo André.

Apesar de ser da área de exatas, sempre tive interesse na área de humanas. Constantemente, questionava-me sobre o princípio motivador da vida. O que realmente estamos fazendo aqui? O que realmente queremos alcançar? Por que tudo isto?

Ao longo da minha vida percebia que eu não alcançava o que de fato queria, mesmo com grandes esforços. Apesar de trabalhar muito, não obtinha o que desejava. No âmbito familiar tinha os mesmos problemas da maioria das pessoas, com dificuldades nos relacionamentos e na criação de filhos.

Aos 57 anos, em 2017, eu estava em profunda depressão com esforços enormes para continuar a vida.

Histórias emocionantes de quem superou a depressão

Aí, em uma bela manhã de 2017 eu me dirigia ao meu trabalho e ouvi o programa de rádio da Lucia Winther pela primeira vez. Gente, eu fiquei macho. Quando eu ouvi a Lucia dizer que Dianética é realmente o único método que funciona e resolve de uma vez por todas os problemas existenciais da mente eu pirei.

Minha vontade era de esbravejar com ela: ‘que arrogância, que prepotência!’ Por pouco não fiquei como aquelas pessoas gritando sozinhas no interior do carro como se ela estivesse ao meu lado.

Bem, resolvi desafiá-la e comprei o meu primeiro livro chamado Autoanálise. Recebi o livro e comecei a saboreá-lo de forma muito gostosa. Estava deitado em uma rede na chácara da minha ex-esposa e fiquei de boca aberta!

O que é isto que eu estou lendo? Que coisa interessante é esta? Como assim? Que conhecimento é este? Como eu nunca tinha pensado desta forma?

Percebi minha esperança voltando e este foi meu primeiro ganho. Senti uma energia que me fez voltar para a vida e crer que finalmente havia a possibilidade de dar certo. Afinal, você nem imagina por onde passei e o que gastei antes da Dianética para encontrar o que estava ali na minha frente nas páginas do livro Autoanálise.

O meu primeiro ganho com a aplicação da Dianética foi o de assumir o controle sobre minha vida como nunca havia conseguido antes.

Em pouco tempo, eu alcancei meu equilíbrio emocional e eliminei o auto sabotador que se encontrava nas profundezas da minha mente.

A partir daí obtive ganhos maravilhosos, quer saber?

  • Sabe aqueles conflitos com filhos? Tornaram-se amizade e amor.
  • Sabe aquele homem carrancudo e mal-humorado? Deu lugar a um que é feliz, saudável e se pega cantando e assobiando durante vários momentos da vida.
  • Sabe aquela apatia que dá uma vontade de dormir o máximo possível e quando acordado fica cansado sempre esperando o fim de semana? Acabou!
  • Sabe aquela mente que muitos tentam alcançar com bastante esforço de meditação, uma mente calma e inteligente? Eu a tenho em tempo integral!

Eu poderia passar muito tempo falando dos ganhos maravilhosos que dinheiro algum no mundo paga, mas este relato ficaria muito longo.

Concluo, então, agradecendo à Lucia, à equipe eficiente de Dianética no Brasil e a L. Ron Hubbard que desenvolveu este método de melhoramento humano incrível que me salvou da depressão.”

Segunda história emocionante de quem superou a depressão: Rodrigo Coutinho

“Meu nome é Rodrigo Coutinho, tenho 31 anos, moro em Poços de Caldas – MG, e sou estudante de psicologia.

Minha vida foi muito triste e complicada. Perdi minha mãe com treze anos e passei por várias outras perdas e situações dolorosas na adolescência e juventude.

Quando estudava Nutrição na Universidade Federal, a pressão e cobrança foram tantas que acabei desenvolvendo ansiedade e depressão. Tentei tratar com medicamentos e psicoterapia, mas além de não me ajudar em nada, os psicotrópicos causaram muitos efeitos colaterais desagradáveis.

Em 2017, resolvi fazer psicologia para tentar me entender e ajudar outras pessoas que estivessem sofrendo também com depressão.

Histórias emocionantes de quem superou a depressão

Felizmente, em 2018, conheci a Lucia que me apresentou à Dianética na Feira do Livro da minha cidade. Adquiri vários livros, DVDs e comecei a estudá-los.

Lendo as obras de L. Ron Hubbard descobri a verdadeira razão da minha depressão e pela primeira vez tive esperança de me livrar dela.

No ano seguinte, consegui ir até Santo André – SP para receber sessões da terapia de Dianética. E após somente duas semanas, a depressão tinha sido eliminada.

Fiquei deslumbrado, principalmente porque as muitas sessões de psicoterapia que fiz anteriormente não haviam dado resultado algum.

Como estou concluindo o curso de psicologia, pude perceber a grande supremacia da Dianética sobre todas as teorias vagas propostas na faculdade, pois ela atua na raiz dos problemas emocionais e é, portanto, mais eficiente.

Minha meta agora é me tornar um terapeuta de Dianética (já estou estudando as obras indicadas) e aí sim ser capaz de ajudar muitíssimas pessoas a se livrar da depressão.”

Espero que estas duas histórias emocionantes tenham tocado o seu coração e trazido esperança de que você ou algum parente possa também superar a depressão.

Se positivo, dê seu primeiro passo, comece a entender como a Dianética funciona e descubra como você poderá sim ter uma vida feliz e saudável.

Gostaria de participar de uma palestra LIVE (ao vivo) gratuita com dicas para ser feliz e saudável? Será dia 30 de março, às 19 horas. Inscreva-se gratuitamente.

8 comentários em “Histórias emocionantes de quem superou a depressão

  1. Mariam Shahin Responder

    Dianética se tornou um farol em
    Minha vida!
    Gratidão Lúcia por ser uma amplificadora e multiplicadora destes ensinamentos que oferecem tantas possibilidades boas para a vida das pessoas.

    • luciawinther Autor do postResponder

      Obrigada, Mariam! É uma alegria testemunhar a melhoria de muitas pessoas! Vamos espalhar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *